25 de abr de 2008

Me fizeram odiar a Comic Sans

Todo o universo conhece a Comic Sans. Todo mundo algum dia na vida ja abriu o "córéu" e fez alguma "arte" com essa tipografia. Eu particularmente gosto muito dela; tem uma legibilidade muito boa, desempenha sua função de forma espetacular.

Dando uma pesquisada no Wikipédia a definição desta tipografia criada em 1994 é a seguinte: "(...) desenvolvida para imitar tipografias usadas em gibis, para uso casual em documentos informais". Eu mesmo já usei a CS, adivinha onde? Em um gibi, é claro.

Agora, é quase orgasmático poder contemplar toda a beleza desta tipografia em logos, em um folder que me foi entregue no semáforo com mais 386 tipografias diferentes ao seu redor. Mas o que mais me irrita é chegar à aula de Teoria e Projeto de Arquitetura ou de Composição Plástica e poder contemplar a CS com 20cm de tamanho sendo projetada pelo projetor multi-mídia em slides feitos em Powerpoint!


p.s.: Para os Designers de plantão que estão reclamando de um cara que faz arquitetura postando em um blog que trata de Design, um breve profile: Rafael Ziller formado em DI PV 2006. Então não encham o SACO.

2 comentários:

SonyEricsson disse...

Digo sempre o mesmo sobre o uso da creepy e suas variantes em sorveterias e afins. Será que ninguém foi ao dicionário inglês-portuga p/ ver o significado?? Tenho ódio de creepy, tenho óóódio de CS e muito ódio da maldita Algerian. Falow bem, sr. arcdesigner.

Altomani disse...

Haha